Onde estou: [Campanha 2018 > Notícias]

Notícias

2018-05-25

MELHORAR A SEGURANÇA E SAÚDE DOS TRABALHADORES JOVENS

Integrado no projecto de sensibilização do “Meio escolar para a segurança e saúde no trabalho”, o Agrupamento de Escolas Pintor José de Brito e a ACT/CLAM têm vindo a realizar durante os meses de Abril e Maio com um conjunto de eventos sobre a temática da prevenção da segurança e saúde no trabalho para celebrar o dia 28 de ABRIL.

As actividades promovidas no Agrupamento de Escolas Pintor José de Brito, para assinalar o dia 28 de ABRIL foram o resultado de um trabalho planeado, em continuo desenvolvimento, ao longo do ano lectivo envolvendo os diferentes departamentos disciplinares e em articulação com o projecto da ACT/CLAM, a Biblioteca Escolar (BE) e o SPO (Serviço de Psicologia e Orientação) assim como os professores dos diferentes níveis de ensino para alicerçar uma cultura de prevenção da segurança e saúde no trabalho.

De entre a diversidade de actividades promovidas no Agrupamento destacam-se:

- A exposição de cartazes sobre segurança na escola (6.º ano) com referência à prevenção dos acidentes (por exemplo, quedas ao mesmo nível e altura) e a promoção de comportamentos seguros;

- A realização de uma aula, por turma, subordinada ao tema: “Saúde e Segurança no Trabalho”;

- Visitas de Estudo e Saídas de Campo, onde previamente os professores foram sensibilizados para a temática da segurança e saúde no trabalho quer seja direccionado ao local de trabalho a visitar quer seja a comportamentos de segurança a adoptar nesses mesmos locais.

Integrada na amostra do Ensino Superior, a qual contou com a colaboração da Escola Superior Gailacia, do instituto Universitário da MAIA (ISMAI), da Universidade Lusíada, escola do Turismo de Portugal, da Universidade Fernando Pessoa, Instituto Politécnico de Viana do Castelo, da universidade portucalense Infante D. Henrique e da Força Aérea, destinado a alunos do Ensino Secundário decorreu uma palestra onde também esteve presente a ACT/CLAM, na pessoa de Alda Alves.

De salientar a participação da ACT onde foi contextualizada a relevância da promoção da segurança e saúde no trabalho em todas as profissões, o papel dos alunos como futuros trabalhadores para a realização de uma profissão/trabalho em que eles próprios reúnam saberes e os “entranhem” de tal modo que saibam como se proteger de situações adversas e vulneráveis do mundo de trabalho.

O enfoque dado para a consciência de que os professores são e serão os agentes moduladores em matéria de segurança e saúde no trabalho na sua geração e nas gerações vindouras quer sejam estabelecidas numa relação de empregador, quer de trabalhador

Aula Aberta intitulada “Projecto Riscos” (9.º ano) a qual foi desenvolvida numa dinâmica interdisciplinar abarcando os conteúdos curriculares das diversas disciplinas (geografia, história, ciências da natureza, ciências físico-química, educação física, educação visual, francês, português, psicologia) mas sobretudo integrando-os na dimensão do conceito de riscos associado a uma profissão, a qual designaram por BI (Bilhete de Identidade) da Profissão. Esta actividade constou de pesquisas realizadas na intranet, a entrevistas a profissionais das profissões em analise, reuniões com a ACT/CLAM, SPO (Serviço de Psicologia e Orientação) de modo a que os professores reunissem informação para saberem identificar os meios de prevenção, protecção e de controlo dos riscos, por forma a evitar os acidentes de trabalho e as doenças profissionais da actividade profissional em análise.

Deste trabalho os alunos do 9.º ano promoveram a “Aula Aberta- Projecto Riscos” onde foram envolvidos os alunos desde a conceptualização dos trabalhos até à organização e apresentação da “Aula Aberta- PROJECTO RISCOS”.

Desenvolvido por BLUE.advt © copyright ACT - todos os direitos reservados.
Compatível com IE7, optimizado para IE8, Firefox e Chrome